agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Concessão de Honra ao Mérito provoca racha na oposição

Homenagem à Edinho Silva (PT) foi concedida pela Câmara de Araraquara. Apoio do Patriota provocou troca de farpas entre membros do partido 
Postado em: 01/09/2021 às 12:34
Autor: Luís Antonio
Concessão de Honra ao Mérito provoca racha na oposição
Vereador Marco Garrido (Patriota), durante a sessão na Câmara de Araraquara

A Câmara de Araraquara aprovou nesta terça-feira (31), em sessão antes do expediente e sem transmissão pelos canais oficiais, a concessão do Diploma de Honra ao Mérito, reconhecimento máximo na esfera legislativa, ao prefeito de Araraquara, Edinho Silva (PT). A indicação foi da vereadora Filipa Bruneli (PT).

Pela tradição legislativa, cada parlamentar pode conceder um título de Cidadão Araraquarense e um título de Honra ao Mérito por ano. Como exige aprovação da maioria, as votações costumam ser unânimes. Porém, não foi o que aconteceu no caso de Edinho Silva, já que os vereadores João Clemente (PSDB), Rafael De Angeli (PSDB) e Luna Meyer (PDT) foram contrários à homenagem.  

A surpresa foram os votos dos partidos mais engajados na oposição. É o caso do Patriota, cujos três vereadores (Marchese da Rádio, Marcos Garrido e Carlão do Joia) votaram favoráveis ao reconhecimento, assim como Lineu WL, do Podemos.

A decisão da bancada de oposição desagradou correligionários, especialmente do Patriotas. Em nota assinada pelo presidente da legenda, Pedro Monteiro, o partido diz que repudia a votação favorável dos seus vereadores e que “a Executiva Municipal fará uma reunião com os três parlamentares e exigirá esclarecimentos a respeito da conduta deles na lamentável votação”.

A pressão interna foi alvo de críticas da bancada. Marcos Garrido fez um duro pronunciamento na tribuna da Câmara e disse que está chateado com “parceiros de partido que não têm noção do que é justo” (veja vídeo abaixo). “Tem um pessoalzinho que acredita que ser vereador é odiar o prefeito Edinho. Eles têm isso na cabeça. Esse pessoal tem que começar a calar a boca e saber que o vereador somos nós (sic) e aqui dentro quem manda somos nós”, declarou. Garrido foi aplaudido pela maioria dos vereadores presentes na sessão.  

 

O Portal Morada também teve acesso à troca de mensagens no grupo de whatsapp intitulado "Filiados Patriota". Após  sessão, diversos militantes criticaram os vereadores e cobraram um posicionamento da direção partidária. Em uma das mensagens, uma militante escreveu que “Se Isso For Verdade, Eu Não #Confio Mais Em Ninguém”, enquanto outro seguiu a mesma linha crítica: “Será que o patriota vai virar um puxadinho do pt também? Pedro, vc precisa de manifestar” (sic), declarou, referindo-se a Pedro Monteiro, presidente da legenda em Araraquara. Durante a conversa, o vereador Marchese da Rádio saiu do grupo, mesmo sendo um dos principais representantes da legenda em Araraquara.