agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Padre é suspenso de atividades na Igreja Católica

Bispo da Diocese de São Carlos pede desculpas aos fiéis pelos atos do sacerdote
Postado em: 22/02/2018 às 13:22
Autor: Redação
Padre é suspenso de atividades na Igreja Católica

Em nota divulgada no início da tarde desta quinta-feira (22), a Diocese de São Carlos comunicou que o padre Edson Maurício, que manteve um relacionamento sexual com o acusado de atirar no sargento Arruda na noite de segunda-feira, está suspenso de todas as atividades da Igreja Católica Apostólica Romana. Com isso, o padre perdeu o posto de pároco na Igreja Santo Expedito, em Matão.

Ainda, a diocese divulgou um decreto assinado pelo bispo Dom Paulo Cézar Costa e pelo Padre Edson sobre a suspensão das ordens eclesiásticas, e que o mesmo está a disposição da polícia para esclarecimentos.

O bispo pediu desculpas aos fiéis e paroquianos pelos atos cometidos pelo sacerdote. "A Diocese de São Carlos, na pessoa de seu Bispo, Dom Paulo Cezar Costa, lamenta e humildemente pede desculpas aos fiéis católicos, aos homens e mulheres de boa vontade, por este ato isolado contra conduta moral e os valores evangélicos; de maneira particular aos fiéis da Paróquia de Santo Expedito, diante deste situação de escândalo causada pela ação do padre", afirma nota (leia íntegra abaixo).

 

Leia também:

Defesa afirma que suspeito não efetuou disparo contra PM