agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Família de vítima cobra mudanças em rotatória da Av. 36

Caminhão com traseira atravessada na via causou morte de motociclista. Irmã cobra semáforo na Rua 16
Postado em: 23/11/2017 às 15:41
Autor: Chico Lourenço
Família de vítima cobra mudanças em rotatória da Av. 36
Nádia, irmã de Marcos Antônio Pombane, que morreu no acidente (Foto: Portal Morada)

A morte do motociclista Marcos Antônio Pombane, 43 anos, no cruzamento da Avenida Padre Francisco Sales Colturato (Avenida 36) com a Rua Castro Alves (Rua 16) abriu um debate em Araraquara sobre a necessidade de instalar dispositivos para minimizar os impactos do trânsito no local.

Pombane passou regularmente pelo semáforo, mas metros à frente, encontrou um caminhão com a traseira atravessada na avenida, pois o sinal estava aberto no sentido contrário. O motociclista estava a caminho do trabalho, não conseguiu evitar a colisão e morreu no local.

Familiares de Pombane acreditam que a morte dele poderia ter sido evitada, caso existisse mais um sistema semafórico no cruzamento. A irmã da vítima, Nádia Milene Pombane, promete pressionar as autoridades de trânsito e iniciar um abaixo-assinado para cobrar mudanças na rotatória.

Nádia sugere que um semáforo para o motorista que segue pela Rua 16 vai reduzir os riscos de novos acidentes. “Não há mais como salvar a vida do meu irmão, mas é possível evitar que outras famílias sofram como a minha está sofrendo. Eu não posso ficar calada”, disse Nádia, emocionada.

Marcos Antônio Pombane era casado e pai de um garoto de 9 anos. “Os dois eram muito apegados. Vamos cuidar dele, mas ninguém será como o pai”, disse a irmã da vítima. Veja abaixo a entrevista com Nádia.