agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Cultura
FALE COM A REDAÇÃO:

Cantos de roda, trava línguas e improvisos no Teatrada

Grupo Cantavento apresenta o espetáculo Brincantorias
Postado em: 10/11/2017 às 16:26
Autor: Redação
Cantos de roda, trava línguas e improvisos no Teatrada
Foto: Raphael Valverde

O grupo CantaVento estará no Sesc Araraquara neste domingo (12), às 11h30, com um espetáculo que promete levar a família toda passear. Em “Brincantoria”, apresentam um show cheio de improvisos, feito para gente pequena e gente grande cantar junto. A atividade  é realizada em parceria com a Prefeitura Municipal e o Centro de Referência Afro Mestre Jorge para o Mês da Consciência Negra.

Cantos de roda, trava línguas e muita diversão transformam o palco num lugar de brincadeira. Lendas, mitos, cantigas e danças de diversas manifestações estarão neste espetáculo, para partilhar e festejar. Através dos ritmos como bumba-meu-boi, batuques, cocos, moda de viola, samba de lenço, samba de bumbo, jongo, entre outros, o grupo convida a todos para um grande festejo!

Formado por Aline Moraes (flauta), Carol Ladeira (voz), João Arruda (viola e charango), Marcelo Falleiros (violão) e Raul Rodrigues (percussão e bateria), o CantaVento realiza um trabalho cuidadoso, que por meio de sons carinhosos e alegres deseja esticar o olhar poético do público para o mundo. Todos os músicos estudam a aproximação e o diálogo com o universo musical infantil brasileiro. Em 2012, premiado com o Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo ­– ProAc de gravação, o CantaVento lançou seu primeiro Cd, “Esticador de Horizontes”.

 

Serviço

Show Brincantorias

Dia: 12/11, domingo

Horário: 11h30

Local: Teatro

Classificação: Livre

 

Ingressos:

Grátis (Crianças até 12 anos e matriculados no Sesc / Credencial Plena);

R$ 5,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante);

R$ 10,00(Inteira / Credencial Atividades).

 

Parceria com a Prefeitura Municipal e o Centro de Referência Afro Mestre Jorge para o Mês da Consciência Negra.