agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Cultura
FALE COM A REDAÇÃO:

Araraquara recebe projeto Osesp Itinerante com concerto gratuito no CEAR 

Ingressos serão distribuídos gratuitamente na Secretaria Municipal de Cultura, no dia 05 de novembro
Postado em: 01/11/2021 às 08:16
Autor: Redação
Araraquara recebe projeto Osesp Itinerante com concerto gratuito no CEAR 

Partindo da ideia básica de que a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp poderia, além de promover apresentações musicais de alta qualidade artística, exercer um papel fundamental no processo de difusão cultural e de democratização da música clássica, a Fundação Osesp criou em 2008 a série Osesp Itinerante, um programa que percorre as mais diversas cidades do interior paulista com uma série de atividades musicais gratuitas, na expectativa de atingir um público que dificilmente teria acesso aos concertos da Orquestra que acontecem regularmente na Sala São Paulo e na capital paulista.

Promovida pela Fundação Osesp em parceria com a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, a turnê itinerante passará nesta edição por teatros e centros de convenções do Estado de São Paulo. Araraquara recebe a apresentação no próximo dia 6 de novembro (sábado), às 20h, no Centro Internacional de Convenção Dr. Nelson Barbieri, com 476 lugares disponíveis, com o apoio da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart.

Os ingressos serão distribuídos gratuitamente na Secretaria Municipal de Cultura, localizada no Palacete das Rosas, no dia 05 de novembro, das 9h às 17h (Palacete das Rosas – Rua São Bento, 794, Araraquara). Caso haja disponibilidade de ingressos no dia do concerto, eles poderão ser retirados diretamente na bilheteria do Centro Dr. Nelson Barbieri, uma hora antes da apresentação.

Além de Araraquara, o concerto também será apresentado em Campinas, Franca, Jundiaí, Piracicaba, Pirassununga, Ribeirão Preto e São José dos Campos, no período de 4 a 7 de novembro. Os oito concertos gratuitos acontecerão em dois blocos de apresentações simultâneas, com duas orquestras em cada cidade, dois regentes (o trombonista Wagner Polistchuk e o timpanista Ricardo Bologna, que também são músicos da Osesp), e duas solistas (a violinista Soraya Landim e a violoncelista Jin Joo Doh, elas também integrantes da Orquestra), cada um deles atuando em quatro cidades diferentes.

Araraquara contará com a apresentação do regente Wagner Polistchuk e da violinista Soraya Landim, com um repertório com obras de Beethoven (Abertura Leonora nº 1 e Op.138 e Sinfonia nº 4 em Si Bemol Maior, Op.60) e Saint-Saëns (Romance em Dó Maior, Op.48).

Vale destacar que a Osesp e a Sala São Paulo são equipamentos do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, gerenciadas pela Fundação Osesp, Organização Social da Cultura.

 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp

Criada em 1954, é uma das mais importantes orquestras da América Latina. Desde 2020, tem o suíço Thierry Fischer como seu Diretor Musical e Regente Titular, tendo sido precedido, de 2012 a 2019, pela norte-americana Marin Alsop, que agora é Regente de Honra. Em 2016, a Osesp esteve nos principais festivais da Europa e, em 2019, realizou turnê pela China. No mesmo ano, estreou projeto em parceria com o Carnegie Hall, com a Nona Sinfonia de Beethoven cantada ineditamente em português.

 

Wagner Polistchuk

Regente Principal da Orquestra Sinfônica da USP em 2012-14, Wagner Polistchuk foi Diretor Artístico da Camerata Antiqua de Curitiba de 2009 a 2011, Regente Adjunto da Orquestra Sinfônica de Santo André e também Diretor Artístico e Regente Titular da Sinfônica da Universidade Estadual de Londrina. Tem se apresentado à frente de importantes orquestras brasileiras e também no exterior, como a Sinfônica de Mendoza, na Argentina, a Sinfônica Nacional em Lima, no Peru, a Hermitage Orchester, na Suíça, a Orquesta Sinfónica de la UANL, em Monterrey, México, e a Filarmônica de Kielce, na Polônia. Em 1990, especializou-se como solista de trombone na Alemanha com Branimir Slokar. No Brasil, paralelamente às atividades como trombonista, iniciou estudos de regência, tendo como primeiro professor o maestro Eleazar de Carvalho, bem como Dante Anzolini, Ronald Zollmann, Andreas Spörri, Roberto Tibiriçá e Kurt Masur. Destacou-se em diversos concursos como o V Concurso Latino-Americano de Regência Orquestral (1998), obtendo o segundo lugar; foi premiado no Concurso Internacional de Regência Prix Credit Suisse, em Grenchen, Suíça (2002); e venceu o Concurso para Jovens Regentes Eleazar de Carvalho (2002).

 

Soraya Landim

Soraya iniciou os estudos aos seis anos com seu pai, o violinista e luthier Jayme Landim. Aos nove, ingressou na Escola Municipal de Música sob orientação de Claudio Cruz, que permaneceu como seu orientador até 2006. Seguiu seus aperfeiçoamentos na Universidade de São Paulo (USP), na Faculdade Mozarteum e, em Tel Aviv, na classe de Chaim Taub, primeiro violino da Filarmônica de Israel. Permaneceu no país por um ano, tendo sido convidada com Gil Shohat para ser spalla da Orquestra de Câmara de Israel. Foi ganhadora do Concurso Jovens Solistas da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo em 1995, prêmio que também recebeu em 1999 pela Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo. Também foi solista com as orquestras Sinfônica de Ribeirão Preto e de Câmara da USP. Foi integrante das orquestras Experimental de Repertório, Sinfônica Litoral e Muncipal de São Paulo, passando a integrar o naipe de violinos da Osesp em março de 1999.

Os concertos da série Osesp Itinerante contam com o patrocínio de Hapvida, Klabin, Syngenta e Mattos Filho, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Realização: Fundação Osesp, Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

 

SERVIÇO:

Osesp Itinerante em Araraquara – Apresentação da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (com regência de Wagner Polistchuk e violino solo de Soraya Landim)

Data: 06 de novembro (sábado)

Horário: 20 horas

Local: CEAR – Centro de Eventos de Araraquara e Região (Rua Ivo Antonio Magnani, 430 - Fonte Luminosa) - Telefone: (16) 3331-3324

Taxa de ocupação limite: 476 lugares

 

Ingressos: distribuição gratuita no dia 05 de novembro

Local: Secretaria de Cultura de Araraquara (Palacete das Rosas – Rua São Bento, 794 / ao lado da Prefeitura - Centro)

Horário: das 9h às 17h

·         Caso haja disponibilidade de ingressos no dia do concerto, eles poderão ser retirados diretamente na bilheteria do Centro Dr. Nelson Barbieri, 1h antes da apresentação